Portela desiste de recorrer na Justiça contra divisão de título

April 17, 2017

A Portela decidiu nesta segunda-feira que não irá mais recorrer da decisão da Liesa de dividir o título do carnaval deste ano entre a escola de Madureira e a Mocidade Independente de Padre Miguel. Embora não concorde com a decisão, a agremiação afirmou que “decide não buscar a solução da questão fora dos limites da entidade a que pertence”. A maior campeã do carnaval carioca reafirmou o “inconformismo” com a decisão da plenária, ocorrida no dia 5 de abril, na entidade que organiza o carnaval carioca.

 

Em nota, a agremiação afirma que “por ser consciente de sua responsabilidade histórica no processo de desenvolvimento dos desfiles das escolas de samba, opta por não contribuir para que a mácula que recai sobre o desfile de 2017 torne-se ainda maior”.

 

O comunicado, assinado pelo presidente da escola, Luis Carlos Magalhães, Fábio Pavão, presidente do Conselho Deliberativo da Portela, e Leovegildo de Oliveira Pinto, diretor jurídico da agremiação, afirma, ainda, que a “Portela propõe que as responsabilidades previstas nos futuros regulamentos, diante de novos prejuízos ou transtornos que por ventura venham a acontecer, sejam, de fato, assumidas pelas agremiações, sejam elas quais forem, cumprindo as normas previamente acordadas e, se for o caso, propondo alterações apenas para as regras que vão reger os anos seguintes”.


 

Please reload

RSS Feed