Volta às aulas da Reme é marcada por entrega de kits escolares e uniformes

February 7, 2019

 

As 196 escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino) retomaram às aulas nesta quinta-feira (7) e os alunos já começaram a receber os uniformes e os kits escolares. Todas as 101 EMEI’s (Escolas Municipais de Educação) já foram contempladas com os materiais escolares e a entrega dos 98.400 kits está sendo finalizada nas 95 escolas.

 

Quanto aos uniformes, as peças começaram a ser entregues esta semana às escolas da região do Bandeira e o prefeito Marquinhos Trad ressaltou, durante abertura do ano letivo na EMEI Professora Adélia Krawiek, no bairro Santa Luzia, que a entrega dos uniformes nas unidades será concluída até o fim de semana.  “Estamos fazendo uma força-tarefa porque são quase 200 unidades, mas até domingo todas estarão com seus uniformes”, afirmou o prefeito.

 

No total, foram adquiridas 598.313 peças, entre tênis, camisetas manga curta, regata, calça de helanca, jaqueta, agasalho de moleton, calça legging, short-saia, bermuda, meia comum e antiderrapante.

 

O prefeito também destacou  o empenho em garantir a segurança da comunidade escolar. “Além da limpeza e correção de alguns pontos estruturais das unidades escolares, também estamos trabalhando para aumentar a segurança e a iluminação nos arredores das escolas para que os pais se sintam seguros em deixar seus filhos”, disse o prefeito.

 

A secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, destacou o apoio da comunidade escolar  e enfatizou o trabalho dos profissionais da Reme. “Ficamos muito felizes em ver o carinho e a confiança depositados em nosso trabalho e em deixar seus filhos sob nossa responsabilidade. Trabalhamos para oferecer às crianças uma educação de excelência”, enfatizou.

 

Merenda

 

Além dos kits escolares e uniformes, todas as unidades estão abastecidas com os produtos destinados à merenda, como as proteínas, biscoitos, arroz, feijão, leite em pó, macarrão e os hortifrutis que são entregues semanalmente para garantir a boa alimentação. Os produtos destinados aos alunos com intolerância à lactose ou outro tipo de alergia continuam mantidos. Em 2018, a Reme contemplou 50 crianças com alimentação especial devido a algum tipo de restrição.

 

De acordo com a chefe das nutricionistas da Superintendência de Alimentação Escolar (Suale), Michele Ignácio, uma das novidades que irá chegar às unidades a partir de março é a carne bovina congelada  através da tecnologia IQF (Individual Quick Frozen), que garante o congelamento individual do produto, o que facilita o porcionamento das refeições e a possibilidade de verificar a qualidade do produto sem a necessidade de descongelar.

 

Ao todo, a Reme disponibiliza dez cardápios em suas unidades. Os alunos das EMEI’s, por exemplo, são atendidos com quatro refeições diárias, assim como as escolas de tempo integral e rurais integrais. Já os das escolas urbanas recebem uma refeição.

 

Valorização

 

Para o casal Rangel Fagundes Rodrigues e Adriana Lopes Marques Fagundes Rodrigues, pais do pequeno Gael, de dois anos, que frequenta a EMEI Professora Adélia Krawiek, a entrega dos uniformes e material escolar já no início das aulas representa uma valorização dos alunos. “É importante porque muitas famílias não têm como comprar uma roupa e ter esse material. A criança se sente igual ao outro ajudando na socialização”, ressaltou o pai.

 

Já Adriana  aposta que a mudança de nomenclatura de Ceinf para EMEI vai ser muito positiva. “Gosto muito do trabalho desenvolvido na Reme. Meu filho desenvolveu a fala depois que veio para o antigo Ceinf e, agora, com essa nomenclatura de EMEI vai fortalecer o caráter pedagógico das atividades”, pontuou.

 

Para a cuidadora Isaura Batista de Oliveira, mãe de Nicolas, de 3 anos, os uniformes que estão sendo entregues representam uma economia para a família. “Facilita muito nossa vida porque também podemos economizar nas roupas que compramos, já que eles não precisam fazer tantas trocas por semana, sem falar que representa uma segurança”, disse.

 

A Reme começou o ano letivo com 98.418 alunos, porém com as novas designações para EMEI’s na próxima semana e a conclusão do processo de matrículas, a expectativa é que esse número chegue a 104 mil alunos.

 

 

 

(CGN)

Please reload

RSS Feed